Grupos europeus representantes de vítimas de amianto e associações de campanha, manifestaram a sua preocupação com o próximo leilão (29 de janeiro de 2021) do antigo navio português Paquete Funchal, que está à venda, dois anos depois de ter sido comprado pela empresa britânica Signature Living, atual proprietária.

SEGUNDO ENCONTRO INTERNACIONAL DO AMIANTO E DO MESOTELIOMA – CONCLUSÕES Em Portugal, ao longo de mais de 60 anos, três fábricas usaram …

Proibição da deposição de resíduos de fibrocimento contendo amianto em 8 aterros para resíduos não perigosos em Portugal, está a resultar no aumento do abandono ilegal deste tipo de resíduos, num período onde as remoções têm naturalmente tendência a aumentar. A SOS AMIANTO teme que esta decisão possa vir a incrementar os custos de remoção das coberturas de fibrocimento contendo amianto nas escolas, provocando uma subcarga no erário público, ou em algumas situações, inviabilizar a sua retirada e encaminhamento adequado dos resíduos.

A SOS AMIANTO fez um levantamento no mercado nacional em matéria de remoção de amianto e constatou que o fornecimento de meias máscaras de protecção adaptadas para filtros rosca do tipo P3 e fatos tyvec tipo 5/6, imprescindíveis para a remoção deste tipo de materiais, estão a escassear no mercado nacional, quer por serem encaminhados para a proteção dos profissionais de saúde contra o Covid-19, quer por ficarem retidos na alfândega devido à falta de conformidade CE.