Proibição da deposição de resíduos de fibrocimento contendo amianto em 8 aterros para resíduos não perigosos em Portugal, está a resultar no aumento do abandono ilegal deste tipo de resíduos, num período onde as remoções têm naturalmente tendência a aumentar. A SOS AMIANTO teme que esta decisão possa vir a incrementar os custos de remoção das coberturas de fibrocimento contendo amianto nas escolas, provocando uma subcarga no erário público, ou em algumas situações, inviabilizar a sua retirada e encaminhamento adequado dos resíduos.

SOS AMIANTO denuncia falta de fatos e máscaras para remoção de amianto

A SOS AMIANTO fez um levantamento no mercado nacional em matéria de remoção de amianto e constatou que o fornecimento de meias máscaras de protecção adaptadas para filtros rosca do tipo P3 e fatos tyvec tipo 5/6, imprescindíveis para a remoção deste tipo de materiais, estão a escassear no mercado nacional, quer por serem encaminhados para a proteção dos profissionais de saúde contra o Covid-19, quer por ficarem retidos na alfândega devido à falta de conformidade CE.

Listagem dos edifícios públicos e privados com Amianto – afinal resume-se às escolas com Amianto

O final de junho era a data expectável para a divulgação pelo Governo da Listagem de imóveis públicos e privados que contêm amianto na sua composição. Publicada a lista, verifica-se que a listagem publicada resume-se às escolas cujas “estruturas” de amianto vão ser removidas. Demos um passo, mas não fazemos o caminho completo na direção do cumprimento da legislação, assegurando como prioridade a remoção total do amianto em Portugal.

Notice: ob_end_flush(): failed to send buffer of zlib output compression (0) in /home/quercusong/websites/cirsites/sosamianto/wp-includes/functions.php on line 4669